Mal Acostumado

Existem coisas com as quais jamais podemos nos acostumar…

Você se acostuma com o barulho e acaba achando o silêncio ensurdecedor.

Você se acostuma a ouvir só a sua voz e acaba pensando que tem sempre a razão.

Você se acostuma a correr o tempo inteiro que acaba dormindo quando para.

Você se acostuma a falar no Facebook e acaba ficando sem palavras quando olha no olho.

Você se acostuma com a violência de sua cidade e acaba abraçando a lei do mais forte.

Você se acostuma com criança dormindo na rua e acaba achando que é decoração urbana.

Você se acostuma com o Latino e acaba cantando junto.

Você se acostuma com jamais ver uma árvore e acaba pensando que elas impedem o progresso.

Você se acostuma em não ter contato algum com os animais e acaba esquecendo-se de onde vem o leite que você toma.

Você se acostuma a usar as palavras pra ofender e acaba achando esnobe quando alguém fala direito.

Você se acostuma a ver as pessoas sofrendo e acaba se contentando com não ter sido a bola da vez.

Você se acostuma com os políticos roubando no atacado e acaba achando que pode roubar no varejo.

Você se acostuma com a frieza das pessoas, e acaba sendo frio com elas também.

Você se acostuma com o Gugu e o Faustão, e acaba rindo de quem ri da sua cara.

Você se acostuma a ver as pessoas se separando, e acaba pensando que é a saída mais fácil para o seu casamento.

Você se acostuma a ver pessoas se agredindo, e acaba não se importando de viver odiando os outros.

Você se acostuma com as traições, e acaba desaprendendo a graça de chorar.

Você se acostuma a cobiçar o que é dos outros, e acaba esquecendo do bem que o rodeia.

Você se acostuma com as manipulações religiosas, e acaba perdendo a fé sem deixar a religião.

Você se acostuma com o caos ao seu redor, e acaba pensando que você é que é louco por se importar.

Você se acostuma com a mediocridade, que acaba fazendo um trabalho meia boca.

Você se acostuma a viver em pé de guerra, que acaba pensando que o diálogo é para os fracos.

Você se acostuma a dever pra todo mundo e acaba pensando que quem não faz é que é trouxa.

Você se acostuma a ver a todos descrendo que acaba se perguntando se você que crê é normal.

É… você se acostumou…

você não mudou…

O mundo mudou você.

Você acha que o normal é a lei da natureza. Irrevogável

E então…

Torna-se cúmplice.

Enquadra quem não se enquadra.

Mas Jesus ensinou você que o normal não é norma.

Chamou pra ser inconformado.

Voz que clama no deserto.

Caminhante da contramão.

Rebelde no sistema.

Que não se acostuma nunca.

Porque ouve o Reino pedindo passagem do coração de Deus para o mundo!

Mostrando com “imaginação profética”

novos céus e nova terra.

Um abraço quebra costelas.

O discípulo gaudério.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s