“Do meu jeito ou nada feito!”

Conversão! Palavra que denota movimento.  No caso da vida de discípulo pode ser chamada de guinada de 180 graus, ou como muitos gostam de dizer ter a vida virada de pernas pro ar. Significa que minha caminhada mudou. Minha vida assumiu um novo “modus operandi”. A Bíblia traduz essa palavra como arrependimento que significa mudança de mente. Muita gente confunde isso com lágrimas, mas é mais do que isso. Ninguém que queira ser discípulo de Jesus pode fugir dessa escolha!

Sou chamado a uma mudança essencial que abre as portas da vida em abundância. Do meu jeito, para o jeito de Deus.

Paulo falou dela quando disse: “Não sou eu mais quem vivo, Cristo vive em mim”

Jesus falou dos caminhos que ela pode levar para Pedro: “quando você era jovem, vestia-se e ia aonde queria, mas, quando for velho, estenderá as mãos enquanto outra pessoa irá vesti-lo e leva-lo para onde você não quer ir”.

É o que fez de Moisés um libertador em lugar de um simples teólogo da libertação.

Foi o deslocamento na coxa de Jacó que mancava para lembrar que não era mais o mesmo.

Foi a viagem da conhecida terra de Ur de Abraão, para uma terra que ainda não tinha sido vista.

Do meu jeito as coisas se resolvem mais rápido, do jeito de Deus elas mudam.

Do meu jeito alívio rápido e dor crônica, do jeito de Deus são dores de parto que precedem a alegria do nascimento.

Do meu jeito eu me sinto mais em casa, do jeito de Deus é uma aventura assustadora.

Do meu jeito vem as guerras que não acabam mais, do jeito de Deus os nós vão se desatando.

Muita gente dentro e fora das igrejas, que vivem frustrados se queixando de que não conseguem ver a diferença do evangelho em suas vidas vivem na verdade a frustração de viver do seu jeito e querer os resultados do jeito de Deus.

Muitas práticas boas podem nos enganar no caminho. Posso dar o dízimo, mas continuar com meu coração no dinheiro, posso ler a Bíblia, mas não viver a Palavra, posso orar apenas para tentar manipular a Deus. Viver do jeito de Deus é um chamado que permeia toda a vida:

Há o meu jeito de falar e há o jeito de falar de Deus.

Há o jeito de eu fazer negócios, e há o jeito de Deus fazer negócios.

Há o jeito de eu levar o meu casamento, e há o jeito de Deus de edificar um casamento.

Há um jeito de eu encarar minha carreira e vida acadêmica e há o jeito de Deus.

Há um jeito de eu resolver meus conflitos e há o jeito de Deus.

Há o meu jeito de ver as pessoas, e há o jeito de Deus.

Você saberá que fez o movimento mais fundamental da sua vida de discípulo, quando você diariamente, progressivamente e conscientemente fizer a mudança do seu jeito para o jeito de Deus. Todo o bem que vem do evangelho para sua vida, decorre desse abalo existencial pessoal. O seu chão já tremeu?

Um abraço quebra costelas.

O discípulo gaudério.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s